Ferramentas que indicamos:

pOSICIONAMENTO E TRANSFORMAÇÃO DIGITAL PARA O MERCADO DE CRÉDITO

Social Selling para Correspondentes Bancários: O que é e como aplicar

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Descubra como usar o social selling para alavancar a sua produção de crédito

Certa vez, o Padre Fábio de Melo reclamou usando sua conta do Twitter sobre o “pedido de paciência” feito por uma gerente de banco.

Após o twitte do padre, diversos bancos tradicionais, digitais e fintechs “invadiram” sua timeline com mensagens espirituosas, aproveitando a repercursão da mensagem para construir relacionamento.

Essa estratégia nada mais é do que parte de uma cultura presente nestas empresas, preparadas para fazer social selling.

Social selling vai além de estratégias engessadas, mas também busca “sair da caixa”. Sempre focando em construir relacionamento com os clientes por meio das redes sociais.

Neste artigo você vai entender um pouco mais sobre social selling e como aplicar no seu negócio de Correspondente Bancário.

Não esqueça de colocar a sua opinião nos comentários abaixo, ⬇ pois é a sua opinião que me ajuda a rechear esse blog de conteúdo!

O que é Social Selling

Em bom português, Social Selling significa “venda social”, ou seja, se relacionar com os clientes para gerar vendas e nada melhor do que usar as redes sociais para fazer social selling e aumentar a sua base de clientes e a sua produção.

Obviamente que você já se deu conta do poder das redes sociais para divulgar o seu negócio. Milhões de usuários estão atentos nas mídias sociais. Estes usuários se relacionam não somente entre si, mas também com as marcas.

Segundo estudo realizado pela MindMiners sobre o Futuro do Varejo, os compradores brasileiros já não tem mais medo de realizar compras online.

O estudo revela ainda que grande parte desses consumidores, usa as redes sociais como fonte de referências, tanto para consultar sobre a reputação das marcas, como para realizar compras diretamente por meio de links nas redes sociais.

Ou seja, estar nas redes sociais é uma maneira de aumentar a empatia do cliente com a sua empresa e, obviamente, seu potencial de vendas.

Hoje o correspondente bancário que ainda utiliza estratégias de marketing “de invasão”, como é o caso do telemarketing para gerar vendas, enfrenta muitas barreiras.

A começar pelas barreiras regulatórias, como  é o caso do serviço Não Perturbe, por exemplo, no qual aposentados e pensionistas que não quiserem mais receber ofertas de crédito consignado por telefone podem bloquear ligações indesejáveis.

Independentemente da indisposição formal em receber ofertas por telefone pelo consumidor, quando o correspondente bancário aborda um usuário para oferecer crédito via call center, sem contato ou disposição prévia, as chances do cliente desligar o telefone logo no início desta ligação são bem altas.

Social Selling: para acertar, planeje!

Antes de colocar as estratégias de social selling em prática, vamos para o básico de qualquer implementação: o planejamento!

Comece definindo quem é o seu cliente, ou seja, para quem você deseja vender.

Não sabe como traçar seu público-alvo? Então, comece fazer essas perguntas:

  • Com quais convênios vai trabalhar?
  • Com quais linhas de crédito?
  • Em que locais os clientes destes convênios trabalham?
  • Que locais os clientes destas linhas de crédito frequentam?
  • Qual a idade destes clientes?
  • Quais redes sociais estes clientes mais usam?
  • O que estes clientes mais gostam de ver nas redes sociais?

Então, inicie o perfil comercial da sua empresa nas redes sociais, organizando uma agenda de publicação de conteúdos relacionados aos seus produtos.

Em seguida, encontre os usuários em sintonia com a sua marca e apresente a empresa para eles.

Pense como usar a criatividade para criar conteúdos interessantes. Aqui vale a regra 80% de entretenimento e 20% de conteúdo de venda.

Além de usar textos informativos e objetivos, trabalhe com fotos em alta resolução. Use hastags estratégicas, compartilhe sua localização e use os stories. Enfim, observe a dinâmica da rede social e adapte para a sua empresa.

Analise também a interação, engajamento, do seu cliente antes de produzir conteúdos ou abordar aos clientes.

Uma sugestão é mandar uma mensagem para um visitante dizendo que notou a visita dele. Mas tudo de uma forma sutil e o mais humanizado possível, sem parecer “robótico”. Havendo interação você pode questionar se entre os seus conteúdos existe algum que ele queira saber mais.

Um blog também é uma ferramenta muito importante para gerar relacionamento com os clientes, por meio do blog você disponibiliza conteúdos interessantes ao seu público-alvo e passa a se relacionar com os visitantes também nas redes sociais, disponibilizando o seu conteúdo em múltiplas plataformas.

Confira a minha entrevista para a Too Seguros,na qual falo um pouco mais sobre Social Selling para correspondentes bancários.

E se você precisa da nossa ajuda para construir a sua plataforma digital, incluindo um site com blog, conheça o Corbantech, um conjunto de ferramentas e estratégias que ajudam o Correspondente Bancário a reduzir custos, desenvolver inovação e escalar a produção, se posicionando como Digital, baseado no modelo Fintech.

Com o selo Corbantech você estará inserido no que há de mais avançado no mercado de crédito digital com acompanhamento da nossa agência, que é líder em nosso segmento e dirigida por profissionais do mercado de crédito, jornalismo e marketing digital.

E agora que você já sabe um pouco mais sobre social selling, é só montar o seu planejamento para ver suas operações aumentarem.

Lembrando que, suas ações devem ser continuadas e que nada é definitivo já que as redes sociais evoluem diariamente. Se notar que algo não está funcionando, realinhe seu planejamento e prossiga.


Siga-nos no Instagram: @viverdecredito.

Um forte abraço.

Rosa Oliveira
CEO & Gerente de Projetos Digitais da Viver de Crédito

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Viver de Crédito

Viver de Crédito

Somos uma agência digital especializada em sites para correspondentes bancários.

siga-nos nas redes sociais
inscreva-se neste blog