Viver de Crédito | Criação de Sites para Correspondentes Bancários - Como ser Correspondente Bancário

Produtividade para Correspondente Bancário Home Office: 6 Dicas Essenciais

Você vai ler neste artigo:

Melhore Sua Produtividade para Correspondente Bancário Home Office com estas 6 dicas!

Ser um correspondente bancário home office é uma opção que vem ganhando destaque no mercado de crédito bancário. 

Essa modalidade de trabalho permite que profissionais realizem suas atividades diretamente de suas casas, eliminando a necessidade de um ponto de venda físico.

Essa situação mudou a partir da Resolução CMN nº 4.935, de 29 de julho de 2021, que permitiu que os correspondentes bancários pudessem atuar remotamente. 

A resolução estabeleceu que os serviços financeiros poderiam ser prestados pessoalmente ou por meio de uma plataforma digital de crédito.

Isso demonstra que o home office é uma oportunidade para correspondentes bancários, mas que também, por outro lado, traz desafios com relação à produtividade nesse ambiente.

Antes da regulamentação, os correspondentes bancários eram obrigados a manter espaços físicos para ofertar suas linhas de crédito, barreira que limitava inclusive, o alcance geográfico de seus serviços. 

Além disso, muitos bancos eram relutantes em estabelecer parcerias com correspondentes que desejavam trabalhar em casa, devido à falta de regulamentação, entre outros empecilhos.

Para ajudar você a entender melhor sobre como ser correspondente bancário em home office e ter mais produtividade, preparei este artigo com seis dicas práticas para otimizar as suas operações de crédito trabalhando em casa.

Não esqueça de colocar a sua opinião nos comentários abaixo, ⬇ pois é a sua opinião que me ajuda a rechear esse blog de conteúdo!

Entenda a Produtividade para Correspondente Bancário Home Office

Desafios e Oportunidades para Correspondentes Bancários em Home Office

A Resolução CMN nº 4.935, de 29 de julho de 2021, que permitiu que os correspondentes bancários pudessem atuar remotamente, veio para normalizar aquilo que já vinha se tornando uma tendência. 

Especialmente depois que a formalização digital se consolidou no setor de correspondentes bancários, expandindo os limites geográficos de atuação, novas oportunidades surgiram para quem deseja vender crédito em home office. 

A resolução estabeleceu que os serviços financeiros podem ser prestados pessoalmente ou por meio de uma plataforma digital de crédito, como é o caso do Projeto Corbantech PRO.

Isso demonstra que o home office é uma oportunidade para correspondentes bancários, mas também destaca os desafios que os mesmos podem enfrentar para manter a produtividade nesse ambiente.

Porém, apesar do home office estar cada vez mais disseminado, muitos correspondentes bancários sentem dificuldade em ter mais produtividade em suas atividades.

Correspondente Bancário Home Office: uma opção econômica

Muitos profissionais desejam ingressar na atividade de correspondente bancário, mas não possuem recursos substanciais para investir em um escritório físico.

Há também, aqueles que optam por começar com uma operação enxuta e, gradualmente, expandir sua estrutura.

Para esses casos, tornar-se um correspondente bancário home office é o modelo de negócio ideal.

Normalmente, ao estabelecer-se como Correspondente Bancário Home Office, muitos profissionais optam por combiná-lo com o formato de atuação como Microempreendedor Individual (MEI), resultando em um modelo de negócio de correspondente bancário mais seguro, econômico e sustentável. 

Leia também: MEI pode ser Correspondente Bancário?

A boa notícia é que a atuação profissional no mercado de crédito está cada vez mais diversa e menos burocrática, permitindo que profissionais atuem com diferentes tamanhos e modelo de negócios.

Assim, o alto custo de manter um local físico para operar com linhas de crédito que antes representavam uma barreira significativa, se tornou mais fácil. 

Com a regulamentação do trabalho em home office para correspondentes bancários, essa barreira foi removida, e naturalmente, um site se tornou um novo ponto de venda.

Oportunidades ilimitadas se apresentam para aqueles que estão devidamente preparados para atuar no digital, como é o caso dos Corbantechs.

Corbantechs são os clientes da Viver de Crédito que possuem sua Plataforma Digital de Crédito, composta por um site profissional para correspondentes bancários, além de diversos outros recursos de marketing digital para correspondentes bancários que possibilitam vender mais operações de crédito por meio do digital.

Em outras palavras, cada banco possui seus próprios critérios de parceria com o correspondente bancário home office, mas ter um site é um requisito fundamental para quem deseja trabalhar com produtos de crédito na internet.

A Transformação Digital e Produtividade para Correspondentes Bancários em home office

A verdade é que a revolução digital está acontecendo todos os dias e muitos correspondentes bancários que já atuam no mercado ainda não perceberam. 

Portanto, antes de entrar nas “dicas de produtividade para correspondente bancário home office”, quero te dar um conselho:

Se você ainda não fez, comece a planejar a transformação digital do seu negócio de correspondente bancário o quanto antes.

E se operacionalmente, pensar que a formalização de contratos digitais é ótima para o correspondente bancário, estrategicamente, quem não estiver preparado vai perder clientes. Vai perder posição. Pense nisso:

Os clientes de hoje serão os leads qualificados dos bancos de amanhã.

Você percebe que a partir do momento que seu cliente entrar no cadastro do banco, e pode formalizar a proposta por contrato digital, a figura do intermediário (você) pode ser dispensável?

É nesse aspecto que a transformação digital é de suma importância. Enfim.

Eu sei que quando você ouve falar sobre transformação digital para correspondentes bancários, pode se perguntar coisas como:

  • É simples?
  • É rápido?
  • Vou ter que gastar muito dinheiro?
  • Consigo fazer por conta própria?
  • É um sistema?
  • É só eu ter um site?
  • Como funciona isso?

Bem, esse artigo não fala sobre transformação digital do correspondente bancário especificamente, fala sobre produtividade para correspondente bancário home office.

Tecnicamente, não sou especialista em produtividade, mas não tenho dúvidas de que a transformação digital pode te ajudar a ser mais produtivo.

O que quero dizer é que quando você agrega tecnologia, cultura, mentalidade e recursos digitais no seu negócio de correspondente bancário, automaticamente a sua produtividade aumenta e você pode pensar o seu negócio para ser escalável.

“Se eu pudesse sair da operação…”

Muitos correspondentes bancários têm dificuldade em organizar bem o tempo das tarefas em seu ciclo de vendas. Naturalmente, exceto quando a operação não é feita via autocontratação, as tarefas comuns reúnem rotinas operacionais e comerciais juntas, como:

⏰ recepção da proposta;

⏰ consultar a margem do cliente;

⏰ consultar e equilibrar as tabelas de comissão e as taxas do dia para definir a melhor condição para o perfil do cliente;

⏰ simulação de cálculos;

⏰ retornar ao cliente;

⏰ negociar;

⏰ fechar a venda;

⏰ formalizar a proposta;

⏰ inserir o contrato no sistema do banco;

⏰ acompanhar o status da proposta;

⏰ resolver pendências, se necessário;

⏰ dar feedback ao cliente;

⏰ pós-venda.

Ok! É uma rotina agitada, “se pudesse sair da operação, venderia mais”, é como muitos pensam.

Porém, para o Corban que não tem assistente operacional ou que trabalha sozinho, precisa colocar a mão na massa nos processos do início ao fim da venda, incluindo as operações, não tem jeito!

Mesmo assim, você pode aumentar e muito a sua produtividade, se combinar algumas práticas, como a padronização de processos, a organização das informações e evitar ter alguns comportamentos, que fazem você “gastar” mal o seu tempo, como estes 3 erros:

1- Ser excessivamente acessível

Estar acessível aos clientes e manter um ótimo atendimento é um dos aspectos essenciais a um negócio que deseja conquistar fãs da marca. 

Porém, ficar refém disso pode comprometer a produtividade do correspondente bancário.

Há momentos em que o correspondente bancário se vê em uma verdadeira “saia justa”. 

Pode parecer difícil, mas aprender a dizer não para o cliente em determinados aspectos não só pode gerar uma maior fidelização do cliente, quanto reforçar o seu posicionamento perante o mesmo.

Por isso, esteja preparado para neutralizar essas situações com firmeza e ao mesmo tempo profissionalismo, sem perder a simpatia.

Por exemplo, quando um cliente pede uma taxa de juros muito abaixo da que você está ofertando, ele, em princípio, está desvalorizando o seu trabalho, principalmente porque, geralmente, não é um pedido, mas sim, uma ameaça de “fechar negócio” com outro estabelecimento. Na maior parte do tempo é um blefe, acredite.

Nestas situações, você deve ter mente que aceitar o que o cliente “pede” não só vai reduzir a sua remuneração, como vai posicionar a sua relação com ele como uma relação por “preço” e não por “valor”.

Cliente que vem por preço, vai embora por preço. O cliente precisa entender o valor do seu trabalho.

Além disso, você gastará com a operação deste cliente o mesmo tempo e energia que empregará em outros contratos. 

Será um gasto de tempo, energia, desrespeito com os demais clientes que valorizaram o seu trabalho e aceitaram suas condições comerciais sem barganhar e você ainda receberá menos por isso, resultando em frustração e improdutividade.

Há também, situações em que o cliente extrapola a relação comercial, como pedir coisas ou chamar você fora do horário comercial:

  • Me manda meu holerith?
  • Você pode acessar meu e-mail pra ver se chegou um boleto, rapidão?

Ou até mesmo, quando o cliente chama você no Whatsapp no domingo, às 21 horas.

E lá vai você parar toda a sua produtividade e qualidade do seu tempo de folga, para atender ao pedido daquele cliente.

Entenda, seu trabalho perante o cliente está relacionado com a operação que ele contrata e não sobre você estar acessível para tudo. 

E não há qualquer limitação em enxergar dessa forma.

Não sinta um pingo de culpa em recusar ou esperar para responder a mensagem somente dentro do horário comercial.

Para cada folgado, existe um sufocado.

Tudo o que você pode oferecer além do seu trabalho, precisa estar planejado, programado e fazer parte da sua estratégia de encantamento do cliente. Nada a mais.

A experiência do cliente é uma estratégia, não um improviso.

2- Não ter foco

A decisão sobre o posicionamento de um negócio, entre atuar com um especialista ou generalista, é uma das mais importantes.

É uma escolha difícil, mas não é fixa, você pode e deve mudar de ideia de tempos em tempos e ajustar o seu posicionamento frequentemente.

Não há problema algum em ajustar um posicionamento que sai dos trilhos ou até mesmo em se reposicionar de tempos em tempos.

Mas você precisa ser estratégico para não perder o foco.

Normalmente, o correspondente bancário que atua via promotora, encontra uma variedade de produtos muito grande, e isso pode despertar o interesse de trabalhar com diversas linhas de crédito diferentes.

Eu enxergo boas possibilidades de negócios nos dois posicionamentos. Mas também enxergo empecilhos.

Imagine que você é um correspondente bancário que já atua há um bom tempo com o nicho de Crédito Consignado para Aposentados e Pensionistas do INSS. Sua produção está indo muito bem.

Então, a sua Promotora te manda um e-mail falando sobre um novo produto diferente daquele que você já vem trabalhando, como por exemplo, o Financiamento de Veículos Pesados (caminhões). E depois manda um outro, falando sobre o Crédito com Garantia de Imóvel.

Você pensa: “posso ampliar meu leque, aumentar minha produção, vender para mais pessoas”.

Agora, você consegue imaginar como será desafiador agregar dois novos produtos para públicos diferentes entre si, e diferentes do público que você já atende?

Salvo se você possui uma equipe grande, e recursos financeiros suficientes para distribuir entre as diferentes estratégias, você vai perder o foco. E consequentemente, sua produtividade.

Isso porque, até você conhecer bem o funcionamento das operações adicionais, encontrar a melhor forma de dividir sua atenção entre mais de um público e produzir materiais e estratégias de divulgação suficientes para alcançar diferentes clientes, você vai perder tempo, dinheiro e corre o risco de se tornar medíocre (na média).

Será que concentrar todas as suas energias em uma única coisa e se posicionar como especialista não é o caminho para ter mais produtividade e escalabilidade no seu negócio?

3-  Não ter disciplina

Entendo que disciplina não tem a ver com horários, mas com processos.

Para quem trabalha como correspondente bancário home office e não precisa cumprir um horário fixo, convém estabelecer uma rotina profissional para que o seu cliente saiba em quais horários poderá falar com você e que você possa se organizar melhor.

Ter uma rotina é muito importante para você conseguir ter produtividade.

Se organize, liste os seus compromissos, verifique todas as tarefas do dia seguinte, evite reuniões improdutivas, use o Whatsapp Business como uma ferramenta de apoio para automatizar mensagens de boas vindas e de ausência, assim, além de informar seus horários de trabalho, também pode personalizar uma mensagem que peça antecipadamente para o usuário dizer seu nome, o que precisa, qual o convênio, etc.

Agora que você já entendeu que é totalmente possível ser um correspondente bancário home office e quais os principais erros que não deve cometer para ter mais produtividade, confira estas seis dicas. 

Dicas para aumentar a sua produtividade como Correspondente Bancário em home office

1. Seja Disciplinado

Entenda que a disciplina não se refere apenas a horários, mas também a processos. 

Para quem trabalha de forma autônoma ou em casa, estabelecer uma rotina profissional é essencial. 

Isso ajuda os clientes a saberem quando podem entrar em contato com você e permite que você se organize melhor.

2. Evite Distrações

Trabalhar em casa pode ser repleto de distrações, desde tarefas domésticas até dispositivos eletrônicos. 

É fundamental manter o foco em suas atividades profissionais e evitar distrações que possam prejudicar sua produtividade.

3. Esteja Acessível, mas com Limites

Estar acessível aos clientes é importante, mas também é essencial estabelecer limites.

Não se sinta obrigado a atender a todas as solicitações dos clientes a qualquer momento. Estabeleça um horário de trabalho e cumpra-o.

4. Mantenha o Foco em Seu Nicho

Se você atua como correspondente bancário, é importante manter o foco em seu nicho de mercado. 

Evite se dispersar demais trabalhando com muitos produtos diferentes. Concentre-se em se tornar um especialista em seu segmento.

5. Invista em Certificações

Obter as certificações adequadas é crucial para trabalhar como correspondente bancário home office. 

Certificações como a FEBRABAN Completa (FBB-100) e a ANEPS Completa abrem portas para trabalhar com produtos de crédito.

Também é necessário investir na a certificação profissional LGPD, conforme a Resolução CMN 4935/2021, a partir de 1.º de fevereiro de 2022.

Não esqueça também, da certificação complementar de Prevenção à Lavagem de Dinheiro e ao Financiamento de Terrorismo (PLDFT).

6. Busque Mentorias, Cursos e Treinamentos

Aprimore seu conhecimento e habilidades por meio de mentorias, cursos e treinamentos específicos para correspondentes bancários. Isso ajudará a melhorar sua qualidade de serviço e, consequentemente, sua produtividade.

A Viver de Crédito possui diversos tipos de treinamentos especializados em Correspondentes Bancários. Fale com a nossa equipe e faça a sua aplicação. 

Corbantech® PRO: Sua Jornada Otimizada rumo ao Sucesso Financeiro

O Corbantech® PRO representa a escolha ideal para impulsionar sua jornada em direção à otimização. Criado pela Viver de Crédito®, este produto exclusivo eleva o seu empreendimento ao patamar de Plataforma Digital de Crédito, focada em ampliar suas operações junto aos tomadores de crédito 3.0.

Ele combina serviços, ferramentas e estratégias alinhadas ao nosso método proprietário, o Corbantech®, um sistema inovador com base no modelo Fintech que integra tradição e vanguarda. Isso resulta em inovação, redução de custos, posicionamento estratégico e transformação digital para os Correspondentes Bancários.

Com diversos pacotes e modelos à escolha (mais de oito disponíveis), o Corbantech® PRO tem como núcleo a construção de um site avançado e otimizado, projetado para atrair os novos tomadores de crédito. Essa base é complementada por serviços, ferramentas e estratégias especializadas para aprimorar a venda de créditos.

Através de automação, desenvolvimento web (criação de site avançado) e metodologias de gestão, o projeto busca reformular a cultura e o modo de operação do Correspondente Bancário, sincronizando mentalidade, conjunto de ferramentas e habilidades.

Ao concluir a implementação do Corbantech® PRO, transformamos um Correspondente Bancário convencional em um verdadeiro Corbantech®, distinto pelo nosso selo exclusivo.

Esse selo é conferido após a finalização do projeto e integra o indivíduo à prestigiosa comunidade de Corbantechs®, presente em todas as regiões do Brasil.

Tornar-se um correspondente bancário home office de sucesso envolve disciplina, foco e investimento em certificações e treinamentos. 

Aproveite as oportunidades oferecidas por essa modalidade de trabalho e esteja preparado para o sucesso. 

Siga as dicas acima para melhorar sua produtividade e construir uma carreira sólida como correspondente bancário home office. 

Se você deseja mais informações ou orientações sobre como se destacar nesse campo, entre em contato conosco. 

Estamos aqui para ajudar você a alcançar o sucesso como correspondente bancário home office.

 


Gostou desse artigo? Deixe seu comentário abaixo.

Ah, e siga-nos no Instagram @viverdecredito para acompanhar outros conteúdos que compartilho!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Picture of Viver de Crédito®
Viver de Crédito®

Somos uma agência digital referência, especializada em sites para correspondentes bancários, além de outras soluções específicas para o mercado de crédito.

Nosso manifesto

Editorias

Picture of Time de Marketing
Time de Marketing
Todos os artigos
Picture of Rosa Oliveira
Rosa Oliveira
Todos os artigos
Picture of Luiza Olinda
Luiza Olinda
Todos os artigos
error: Conteúdo Protegido!!
Como ser correspondente bancário

Faça sua pré-inscrição e garanta sua vaga na próxima abertura do Fórmula Corbantech.