Viver de Crédito | Corbantech - Posicionamento Digital para Correspondentes Bancários

5 Elementos que compõem uma operação de cartão de crédito

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no google
Google+
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email

Olá, Corbank e Simpatizante do Viver de Crédito! 🙂🙂

Você sabe quais são as 5 partes que compõem uma operação de cartão de crédito? Sabe a diferença entre bandeira e administradora de cartão de crédito?

No artigo CRÉDITO | HISTÓRIA E GUIA COMPLETO conto um pouco da história do cartão de crédito no tópico “O surgimento do cartão de crédito, a moeda plástica”.

E neste, explico sobre a diferença e participação dos 5 elementos envolvidos numa operação de cartão de crédito.

Não esqueça de colocar a sua opinião nos comentários abaixo, ⬇ pois é a sua opinião que me ajuda a rechear esse blog de conteúdo!

O cartão de crédito teve sua origem em 1920 de forma tímida, como uma forma de alguns estabelecimentos agradarem clientes cativos.

Na década de 1950, o Diners Club Card é oficializado como o primeiro cartão de crédito, devido a um imprevisto, quando um cliente desprevenido “pendura” a conta em um restaurante e seu proprietário vê nisso uma oportunidade.

Depois em 1960 ganhou a forma de “moeda plástica” já aperfeiçoada e popularizada desde seu surgimento e mais de 50 países ao redor do mundo passam a recceber por meio de cartão de crédito.

O Diners Club Card a essa altura ganha seus primeiros concorrentes, tais como: o “American Express” e o “BankAmericard”, que futuramente se tornaria a “Visa”.

Atualmente o cartão de crédito representa um volume alto em movimentaçao de recursos no Brasil. O número de transações com cartões de crédito chegou a R$ 173 bilhões em 2017.

Os 5 elementos envolvidos numa operação de cartão de crédito são:

1- Portador (Cliente)

O portador é o cliente, titular ou dependente. É quem utiliza o cartão de crédito para adquirir bens, serviços e outras possibilidades.

2- Estabelecimento (Vendedor)

Como o nome já diz, é o vendedor que recebe por cartão de crédito pelos bens vendidos ou serviços prestados.

3- Adquirente (Maquininha)

O adquirente é o intermediário entre o estabelecimento e a bandeira, popularmente conhecida como “maquininha”. Ele fornece os equipamentos de comunicação.

4- Bandeira (Marca)

Já a bandeira é a intermediária entre o adquirente e o emissor ou administradora de cartão de crédito. As bandeiras mais conhecidas são Visa, Mastercard, American Express, Elo, dentre outras.

Os 6 primeiros números do cartão, também chamados de “bin-numer” identificam qual é o emissor do cartão. 

5- Emissor ou Administradora (Instituição Financeira)

Normalmente são bancos e financeiras, o emissor é responsável por emitir, definir limite de compras, aprovar transações, emitir fatura, fazer cobraça em caso de inadimplência, dentre outras.

 

 


Siga-nos no Instagram: @viverdecredito.

Um forte abraço.

Rosa Oliveira
CEO & Gerente de Projetos Digitais da Viver de Crédito

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no google
Google+
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email

Leia outros artigos

Podcrédito: Carlos Nepomuceno

Em entrevista exclusiva para o Viver de Crédito, Ingrid Barth, diretora na ABFintechs e COO & Founder da Linker – banco digital focado em pequenos empreendedores – conta como são os bastidores das fintechs brasileiras e o que podemos esperar desse mercado em ascensão.

Leia mais »